sexta-feira, 17 de novembro de 2017

É tão mainstream ter opinião sobre tudo

Que ficar calada se tornou numa autêntica excentricidade



19 comentários:

  1. Eu ainda sou do tempo das fisgas, mas como Deus castiga sem pau nem pedra, olha, agora temos as opiniões...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mil vezes as fisgas, que eram muito menos cansativas! :D

      Eliminar
  2. Respostas
    1. São ambos - os calados e os euroexcêntricos - umas autênticas raridades! :DDDDDDDDDDDD

      Eliminar
  3. Sem tirar nem pôr.
    Opinião até tenho, falta-me é paciência/vontade para/de aturar gente irada. De maneira que a guardo para mim.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Está pior, não está? Eu até tenho medo de parecer a minha avó, mas antigamente - há dois ou três anos - não era assim tão mau, pois não?

      Eliminar
    2. Sim, piora de mês para mês, nem precisa de ser um ano.

      Eliminar
    3. Pipocante Irrelevante Delirante18 de novembro de 2017 às 09:29

      Não está pior.

      A saturação é que sobe

      Eliminar
    4. Perderam-se os critérios, é o que me parece. As opiniões não têm todas o mesmo valor. O que lhes dá valor é o que as sustenta: argumentos, factos, evidência, plausibilidade,... Estes critérios, hoje, mal se aplicam. É por isso que é tão fácil ter uma opinião. E tão fácil ficarmos irados quando confrontados com uma opinião contrária (a dissonância cognitiva é uma chatice) ou aborrecidos quando temos de ler e reflectir nos argumentos dos outros.

      Eliminar
  4. Não posso concordar mais

    ResponderEliminar
  5. Há demasiada gente que nunca se engana e raramente tem dúvidas.

    ResponderEliminar
  6. e não é bem, ficar calada e depois falar para se dizer que afinal se está calada? ó se é.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vejo que tem uma opinião sobre este assunto, anónima!

      Eliminar
  7. Não sei se me cale ou se bote faladura...

    ResponderEliminar
  8. Ia comentar, mas o melhor é ficar calada! :)

    ResponderEliminar