segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Constatação

As blogo-vidas são iguaizinhas à telenovela Dancin’Days. A única diferença, é que a intrigante trama do Dancin’Days gira sempre em redor do Dolce Vita Tejo e a do blogo-mundo à volta da Padaria Portuguesa…

30 comentários:

  1. O que eu ando a perder por me ter mudado para o campo...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O quê?! Não tens uma Padaria Portuguesa na tua esquina?!
      Isso é caso para depressão profunda!

      Eliminar
  2. Era isso e o Starbucks, mas agora o Starbucks é muito mainstream, então só falam da Padaria Portuguesa! Sinto-me a única pessoa à face da Terra a não ter entrado nesse estabelecimento!

    ResponderEliminar
  3. Querem ver que agora tenho eliminar o meu post sob pena de ser excluída da minha querida Palmier?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu bem o vi...
      (mas a sério... Padaria Portuguesa?! Comprei lá um bolo mármore e, ainda tentei um outro qualquer - talvez um pão de ló (?)- e aquilo ESCORRIA óleo! Jurei para nunca mais...)

      Eliminar
    2. Pois, alguém que me compreenda! Fico espantada quando leio maravilhas sobre aquilo, ou sou eu que sou muito esquisita ou é a nossa blogosfera que não sabe o que é bom! Pães de Deus melhores que aqueles é aos montes por Lisboa!

      Eliminar
    3. Eu gosto dos pães de deus e os meus filhos adoram os croissants franceses. Espanquem-me, por favor, pois mereço uma fustigação. E sim, vou fazer a caminhada. A morada para o envio da cama de pregos é:.... ;) Palmier, perdoa-me!!!!!

      Eliminar
    4. Não, não é preciso tanto! Até porque gostos nem se discutem e o meu isso mesmo, só o meu!!

      Eliminar
    5. Vou, mas é, mandar-te uns ténis de pregos! :DDDD

      Eliminar
  4. Pronto! Lá vou ser obrigado a ver a Telenovela.
    Mas, tenho que ver tudo ou só um episódio de vez em quando basta?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. À bom! Mais descansado.
      É que isto da blogoesfera já é empreitada digna de registo sem necessidade de agravamentos. :)*
      (*) como "constato", sobremaneira agradado que já foi levantada a proibição do :), cá vai disto.

      Eliminar
  5. pois eu adorooooooo o Starbucks (era capaz de acampar lá, juro!) :) e gosto bastante da Padaria. Não gosto de tudo. as bolas de berli, por exemplo, sao bem boas. Os sumos idem. Há uns pães bem bons. e umas tartes de limão., mhamm mhamm ... nem tudo é bom, nem tudo é mau. Já fui à de campo de ourique e fui mt mal atendida, nunca mais voltei. nao gosto assim mt da da elias garcia. mas a 1ª é mt catita, na joao xxi. na rua da prata nao se está mal, nao senhor. Bem melhor que o Kayser, arre franceses mal encararados e careiros. mas a ver a novela é que já não, pelos deuses

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olha... foi em Campo de Ourique que eu fiquei alérgica ao estabelecimento! Mas os bolos que provei, eram verdadeiramente gordurosos. E o pão, no dia seguinte, fica de borracha... eu cá acho aquilo absolutamente industrial. Antes a novela! :DDDDD

      Eliminar
  6. Pois, mas quando abrirem as 30 padarias portuguesas que a gerência se propôs abrir, e aquilo for assim uma espécie de cadeia fast food do pão (já é, se formos rigorosos)logo será substituida por um outro spot. Eu cá continuo a preferir a minha padaria ao fundo da rua, com pão e bolos de fabrico tradicional, a sair três vezes ao dia, onde as meninas já sabem a que horas vou e que pedido faço. Mas isso sou eu, que não percebo nada de life-style, e coiso...
    Marta

    ResponderEliminar
  7. Nada como o meu padeiro que me deixa o pão pendurado na árvore, às 8h e ainda a fumegar!!! E ao fim de semana faz pão com torresmos e broas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pendurado na árvore, acho GENIAL! :)))

      Eliminar
    2. Quando chove, ele entra no jardim e deixa debaixo do alpendre pendurado num prego que há na parede.

      Eliminar
  8. Cara Palmier, quando isto chega ao ponto de uma mera padaria ser um sítio in e bem, então vamos bem mal...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Cá para mim, é apenas um sítio que apostou na blogo-publicidade.... :DDD

      Eliminar
  9. Já houve uma coisa dessas perto do meu emprego mas não foi grande sucesso. Os preços não eram muito convidativos para uma cidade da província. Também nunca fui grande fã desse estabelecimento. Já fechou e tudo. Agora no lugar da dita Padaria, existe outro tipo de fastfood, japonês.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Uiiii... não sei o que é pior... se a febre da padaria, se a febre do sushi... :DDD

      Eliminar
    2. É por estas e por outras que nunca serei uma blogger de sucesso. Não frequento a Padaria Portuguesa e não gosto de sushi.

      Eliminar
    3. Olha olha!! De certeza que já me cruzei com a stiletto em VFX!!! (anda de stiletto nesta maravilhosa calçada?!?) :)
      Venho aqui defender a comida japonesa que não tem nada a haver com o sushi pré-preparado que se vende por aí! E que é tão mal-tratada por certos bloggers que adoram sushi e só conhecem mau sushi!!

      Eliminar