sexta-feira, 16 de outubro de 2015

E pronto. É assim a vida de uma pessoa.

A pessoa sai de casa bastante satisfeita, afinal é sexta-feira, o fim-de-semana está à porta, o sol brilha e a pessoa sente-se bem com o seu outfit, acha-se deveras gira e até ligeiramente moderna. Depois a pessoa entra no carro e, à medida que vai avançando pelo trânsito, um estranho sentimento vai-se apoderando da mente de uma pessoa. Então a pessoa deita um olhar de esguelha ao seu modelito e tenta afastar os estranhos pensamentos que espontaneamente lhe afloram à mente. Depois a pessoa deixa os seus filhos na escola e a sensação que teve antes intensifica-se. A pessoa já não consegue afastar as intrincadas reflexões a que se dedicou minutos antes e começa a vacilar. Quando chega ao local de trabalho, a pessoa já deixou todas as dúvidas para trás e já só tem certezas: é que, ao contrário do que pensava ao sair de casa, a pessoa não tem uma écharpe ao pescoço, a verdade é que, ao pescoço da pessoa jaz, apenas e só, um daqueles tapetes de zebra que hoje em dia se vendem em todas as lojas de decoração.


44 comentários:

  1. A écharpe até é gira. O tapete não gosto.

    ResponderEliminar
  2. Eu gosto :)

    (Para quando um novo cabeçalho? Com "cheirinho" a Outono/Obras ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tenho aqui uma ideia (não é de obras...)... a ver se tenho tempo para a pôr em prática... :D

      Eliminar
  3. Chegou ao escritório e disse "Queridos mudei a decoração!" (mas com um ar cabisbaixo, certo??!)

    ResponderEliminar
    Respostas

    1. Yap... "queridos, mudaram-me a casa e atiraram-me o velho tapete para os ombros..." :DDDDDDDDDDDDDDD

      Eliminar
  4. Não concordo nada...a acharpe é gira nas horas e fica muito bem

    ResponderEliminar
  5. E não reparaste nos olhares estranhos? hehe ;) Eu gosto desse tapete ;;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim... deviam ser as pessoas que têm um tapete destes na sala... a achar que eu lhes tinha assaltado a casa... :DDDDDDDDD

      Eliminar
  6. Como és capaz de uma crueldade dessas?!!!!

    (e isso não é um bocado pesado para andar ao pescoço?)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ah... será que a minha escoliose... não! Não pode ser... :DDDDDDDD

      Eliminar
  7. Nada disso! a Echarpe é lindíssima e até dispensa mais acessórios.

    Adorei e gostava de uma igual para je.

    As pessoas olharam por estarem maravilhadas, isso sim.

    Além disso que mal tem fazer pedant com um tapete? Aqueles coletes e mochilas com padrões étnicos, também reproduzem padrões de tapeçarias e são bem giros...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, um matchy-matchy calha bem em todaaaaaas as circunstâncias! Mesmo que seja com o tapete! :DDDDDDDDDDDD

      Eliminar
  8. :D... Só tu Palmy....adoro-te mulher!

    ResponderEliminar
  9. Como assim?! É tão linda a écharpe :)

    ResponderEliminar
  10. Eu cá gosto bem da encharpe. Se não a quiseres podes manda-la ca para casa.
    Quanto ao tapete, é todo teu. :p

    ResponderEliminar
  11. Ahahahahahaahahah!!!! Assaltou o tapete de casa!!!!A Palmier é demais!!!

    ResponderEliminar
  12. Palmier, que fios são esses que se vê por baixo do animal??? Não acabaste de coser a camisa ou está a esgaçar-se???
    É o que faz ires aos super rmarkets comprar roupa, certo? E pequena Cutxi?? Qualquer dia a piquena baralha-se!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por isso é que hoje de manhã pequena Cutxi me perguntou se eu queria ir correr para a selva... :DDDDDDDDDD

      Eliminar
    2. Ahahahahahahahahahahahahahah.................!
      Qualquer dia "pequena fera" estraçalha-te ! E é muito bem "feita". Quiçá, viras uma bela refeição para Chanel.

      Eliminar
  13. Ahahahah, em caso de perigo de vida pode sempre "esconder-se" no tapete! Palmy, você é um génio da arte do bom camalear (capacidade de se adaptar ao meio que a rodeia). Gosto! :):)

    ResponderEliminar
  14. Pipocante Irrelevante Delirante16 de outubro de 2015 às 21:16

    &é bom para coiso e tal em cima do tapete.
    Camuflagem!!!!

    ResponderEliminar
  15. Conheço a sensação, a diferença está no fim da mesma...pessoa chega ao local de trabalho e uma alma caridosa diz-lhe ao ouvido que vestiu a camisa do avesso, e ninguém me deu um presente!

    ResponderEliminar
  16. Querida Palmier a encharpe e o tapete serão uma antevisão do casaco de Inverno 2015?

    ResponderEliminar