quinta-feira, 17 de novembro de 2016

Grande Obra - O Tour



(lamento a minha aflição com as alturas, mas é uma fobia incontrolável)



59 comentários:

  1. Não é com as alturas, é com a possibilidade de o teu filho sofrer um acidente. Fóbicas Unidas venceremos.
    :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas então com as alturas a coisa agrava-se exponencialmente! :DDDDDDDDDDD

      (Mas sim, vamos dar as mãos, unidas seremos mais fortes... e mais chatas! :DDDDDDDDDDDDDDD)

      Eliminar
    2. Não seja chata, o mini Palmier já disse que as vossas coisas ocupavam muito espaço. Daí a expulsar-vos de casa é um passo!
      (bela obra, bela vista)

      Eliminar
    3. :DDDDDDDDDDDDDDDDD

      Ainda se muda para lá sozinho e deixa-nos à porta!

      Eliminar
  2. Linda vista! Muitos parabéns pela casa !

    ResponderEliminar
  3. Por aqui é igual. Fobia de alturas, principalmente com os miudos por perto.
    Quanto à obra... Espectacular. Vista maravilhosa.
    Muitas felicidades para vocês.
    ...
    ...
    ...
    ...
    Agora vou aqui roer-me de injeva, mas da boa :)


    ResponderEliminar
  4. comecei a ter medo de alturas recentemente, no seguimento de uma coisa "chata" que tenho. Descobri no pior sitio, num teleférico, sozinha. Não sei como lhe estou a escrever estas letras...poderia muito bem ter morrido.ahahah
    Que sejam todos muito felizes aí. Tem uma vista fantástica.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É horrível! Eu aliás ando a pensar colocar uma rede metálica anti-queda à volta de toda a casa!Também já andei a averiguar a altura das grades das varandas em baixo, não vá pequena Cutxi vir a correr, escorregar e lançar-se no vazio! Juro que estas preocupações me ocupam grande parte do pensamento! :s

      Eliminar
    2. A minha modesta casa, que nem em sonhos se compara à grande obra, tem um grande terraço. Antes de me mudar vivia aterrorizada a pensar que a minha filha, na altura com 4 anos podia cair, e os gatos cair ou fugir. Não descansei enquanto não arranjei uma proteção a toda a volta do terraço. Assim ninguém cai e os gatos não fogem (mas tentam)

      Eliminar
    3. Vou esperar para ver quando as coisas estiverem mais avançadas, com sorte, quando nos mudarmos os meus filhos vão ter 14 e 10 anos, já têm absoluta noção que não se podem pendurar nas janelas e varandas... mas se a coisa me continuar a consumir tenho de arranjar uma solução qualquer! :D

      Eliminar
  5. Várias observações:
    - o quarto da Cutxi? Ou é o extra?
    - o senhor que a cumprimentou estava a ser simpático com o "até que enfim, hã?" mas secretamente estava a pensar "eish, olha vem aí a chata outra vez, aquela mulher não se atura". Sim, porque mais à frente diz que estão a partir o quarto todo e "isto não estava assim de manhã" ou seja, já lá tinha ido 342 vezes antes da filmagem.
    - "a cena do elevador" está muito teen.
    - o escritório da mãe parece mais melhor bom :)
    - "Tu e o pai e as vossas coisas ocupam muito espaço" está top. Eu instalava uma sala de pânico.
    :) bjs, Sara

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A Cutxi, como imperatriz, tem como função supervisionar todas as zonas da casa, não poderá nunca ficar limitada a uma única! O Senhor é o novo Sr. José Carlos (o verdadeiro Sr. José Carlos foi para outra obra... acho que o empreiteiro percebeu que com o primeiro Sr. José Carlos ia queimar os prazos todos e perder dinheiro com a obra) e é muito simpático, já ninguém me aguentava a perguntar pelas escadas! :DDDDDDDDDD Ontem fui lá duas vezes, uma primeira sozinha e uma segunda com o meu filho, que também queria ver! Mas já avisei que, a partir de agora, vou organizar romarias (talvez organize uma romaria aqui no blog :DDDDDDDDDD). O meu escritório parece mais bom melhor mas não é... :D - é mesmo mais pequeno e está virado para trás, não tem vista :D A sala de pânico é uma excelente hipótese a considerar! :DDDDDDDDD

      Eliminar
    2. Uiiiiiii uma romaria :) :)
      Ah bom, pronto, então está explicado. Acredito até que tenha vertido uma pequena lágrima quando foi ver sozinha, deve ter sido uma emoção daquelas. Ainda me lembro quando os meus pais construíram a casa de família, adorava aquele cheiro a tijolos e cimento, era o cheiro de um sonho. Beijinhos e muitos parabéns!

      Eliminar
    3. No fundo, ontem, a casa que pensámos em planta passou de 2D a 3D, foi muito bom! :)))))))))))

      Eliminar
    4. Acredito :) E agora vai andar mais depressa e tudo!
      ps - ah em relação ao nome da grande obra, acho que não há melhor nome do que aquele que já tem: Grande Obra. Bjs

      Eliminar
  6. A tratarem-se por "tu", muito bem! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sempre tratei os meus filhos por "tu"... :)

      Eliminar
    2. Alfinetadas paupérrimas.

      Eliminar
    3. Pena aqueles "Ãh?" pelo vídeo todo. E aquela do elevador era desnecessário: TODOS "NÓIS" já sabemos que tem elevador (era preciso ser-se muito tapadinho para, nos dias de hoje, não se pôr um elevador numa casa assim e na velhice, que já está aí à porta, vai ser "top"!).

      Eliminar
    4. A sério que um prédio com elevador é uma coisa estranha? Chique?! Julgava até que hoje em dia é obrigatório... É que, minha boa Anónima, vou voltar a dizer pela quinquagésima vez, esta obra É UM PRÉDIO QUE VAI CONTER VÁRIOS APARTAMENTOS, O MEU É APENAS UM DELES (fica assim em Caps Locks para o caso de haver mais alguém a laborar em erro), não é uma mansão com sete pisos só para mim, ok? Mais tranquila assim? Ufa, ainda bem!

      Eliminar
    5. Há gente que me deixa boquiaberta.
      A Palmier está feliz, compartilha connosco, seus desconhecidos, esta alegria e há pessoas que resolvem arranjar motivos para criticar o que não interessa.
      E, se o prédio tem vários andares, por que não falar no elevador?
      Velhice à porta? Tome cautela não trinque nem a pontinha da língua, minha amiga.

      Eliminar
    6. A verdade é que são raros os posts sobre a Grande Obra que não têm direito a um comentário deste tipo. Estou em crer que incomodo sempre a mesma pessoa :)

      Eliminar
    7. Muito sinceramente, se estivesse no seu lugar não postaria fotos nem vídeos. Há sempre alguém com cotovelo comichoso.
      E olho grande, quiçá?!

      Eliminar
  7. Que bela vista, Palmier.
    Que desfrutem bastante :)

    ResponderEliminar
  8. Quando a casa está em tijolo parece tudo muito pequeno. Quando está com reboco parece pequena e escura, quando está pintada parece muito maior, quando começa a ser mobilada, devíamos ter pensado melhor a divisão do espaço.
    MAMAM A GRANDE CONSTRUTORA.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Só quando se começam a pôr os móveis é que se têm pontos de referência :D Ontem o teu neto passou o tempo a dizer que tudo era maior que o quarto dele (que está mais escuro porque a janela está fora do sítio, está muito alta)! Por mais que lhe explicasse, achou-se um verdadeiro injustiçado :DDDDDDDDD

      Eliminar
  9. Quando esse quarto extra estiver no airbnb avisem-me que eu estou um bocado farta de perder o meu poiso do costume para as hordas de franceses, alemães e ingleses que como eu, vão pontualmente a Lisboa. Com umas vistas assim, é uma cena muito à frente! ;)
    (parabéns!)

    ResponderEliminar
  10. O tio Pipoco ainda não comentou os tijolos?

    ResponderEliminar
  11. Fabulosa, a grande obra ! Está psicologicamente ( e fisicamente, claro) preparada para a Grande Mudança? É que para uma casa criada de raiz não é só levar umas dezenas de caixotes.
    O resultado falará por si, claro mas ui ui... Vai ser uma "tabalhêra" :) :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nem quero pensar nessa parte! Uma coisa de cada vez! :D

      Eliminar
  12. Que vista boa! Mas "tu, as tuas coisas e as do pai ocupam muito espaço "...ahahahahah

    ResponderEliminar
  13. Que vista fantástica Palmier!
    Aguardo mais reports😁

    ResponderEliminar
  14. Em uma palavra, ou cinco: o teu filho tem razão. Mas eu, que sou pela Natureza, vou mais longe- essa obra ocupa demasiado espaço. Deita isso abaixo e deixa que nasçam, cresçam e se multipliquem as moitas!

    #jesuismoitas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Moitas?! Então tu achas que eu sou uma blogger que se afronta?!

      (não tarda nada estás a pedir-me um comentário inteligente! :DDDDDDDDDDDDDDD)

      Eliminar
    2. Não percebo, ainda, de afrontamentos. Diz que são frequentes aquando das menopausas. Lá chegarei.

      Eliminar
  15. Que corra tudo pelo melhor que bem merece.

    ResponderEliminar
  16. Neste Tour vi muita gente à boa vida. Aí ca obra vai ser! não a grande obra, mas a obra sem fim :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estavam a trabalhar! Ultimamente a obra tem andado mais depressa! Tenhamos fé! :D

      Eliminar
  17. Tanta gente na Obra sem equipamento de protecção?!!!
    E evidências publicadas nas web?!!!
    ACT! Vai ser toda a gente a fugir.

    Parabéns pela Obra!
    (embora suspeite de imensa disputa pelo fantástico patamar superior)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Foi à hora de almoço! A obra estava parada (de manhã usei o colete e o capacete! :D)

      Eliminar
    2. Ah... E então os maléficos tijolos sempre prontos a saltar aos pés das pessoas?!
      Obras, só de escafandro.

      Eliminar
    3. Isso é por causa daquela situação detectada pelo Tio Pipoco... se fossem tijolos como deve ser não atacavam os pés das pessoas!

      Eliminar
  18. elevador palmier? ja não se usa disso. prefira antes as plataformas elevatórias pois não tem de pagar á camara nem á manutenção aquele valor anual que é uma vergonha.
    anonima preocupada

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não sei se em prédios de habitação se pode substituir os elevadores por plataformas... Acho até que é obrigatório a partir de um determinado número de pisos - e os outros vizinhos hão-de querer elevador... (eu aqui no meu trabalho tenho uma série de plataformas elevatórias e temos na mesma de ter um contrato de manutenção em que pagamos um fee mensal...)

      Eliminar
    2. palmier, se me permite:
      (a partir de 4 pisos, os multifamiliares ate são obrigados a ter 2 elevadores).
      Falando concretamente na sua "grande obra", que julgo ser unifamiliar, devido à legislação da mobilidade condicionada, poderá ser uma plataforma elevatória. um conselho, se quiser, veja no mercado, existem lindíssimas. e se forem previstas de raiz então mais giras ficam.
      (a manutenção não é obrigatória. se a tem é por opção. quanto ás taxas canararias tb não tem de pagar).
      anonima

      Eliminar
    3. Obrigada pela sugestão, mas o prédio não é unifamiliar, é mesmo um prédio, vai ter quatro apartamentos, pelo que o elevador é mesmo obrigatório :)

      Eliminar
  19. Posso sugerir chão radiante? Então sugiro ;) Aqui há tempos estive hospedada em casa de uns amigos que puserem disso e oh céus, oh maravilha, oh que casa quentinha sem radiadores à vista, aquecida toda por igual e sem despesas astronómicas de gás ou electricidade.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O piso radiante só está previsto para as casas de banho, para o resto da casa julgo que é uma bomba de calor (que faz frio e quente - e evita-se a duplicação de equipamentos :)

      Eliminar