segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Só uma perguntinha que me anda a atormentar o espírito......

Qual será o rácio "hamburgueria por cidadão" que se estará a tentar atingir na cidade de Lisboa? Uma hamburgueria por cada dez cidadãos? Por cada cinco? Cada cidadão com a sua própria hamburgueria?! Expliquem-me! 




30 comentários:

  1. Nos Açores não são duas vacas por cada habitante?

    ResponderEliminar
  2. Esqueci-me desta parte... E o rácio de "gin spots" por cidadão? Se bem que há casos onde o hamburguer e o gin se cruzam. Apresente lá um estudo de caso, estou muito interessada nos resultados

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Será para ver qual o período de tempo que levamos a tornar-nos gordos e alcoólicos?!

      Eliminar
    2. Aiii que agressividade Palmier... Nitidamente não comeu a sua home baked granola ou as papas de aveia...
      Obesos (numa de ser fofi e coiso e tal obesozinhos) e Dependentes de Substâncias Inebriadoras do Estado de Espírito (... Santo, Amén).

      Mas faça lá isso e apresente sob a forma de um gráfico com muitos altos e baixos! E cores... tem que ter muitas cores! Um boneco lá para o meio de vez em quando também ajuda a captar a atenção dos interessados

      Eliminar
    3. Aahhahahhahahhahahhahhahahahhahahhahahahahahhahahahahhahahahahahahahhahahahhahahhaha

      Claro que não comi a home baked granola! Então I., então...?! Comi um hamburger artesanal x-tudo logo para começar a manhã! Home baked granola...?! Sinceramente...

      Eliminar
  3. Depois de "uma loja que compra e vende ouro por cada cidadão", ou "uma loja que vende cigarros electrónicos por cada cidadão", ou uma "mercearia gourmet por cada cidadão"...Porque não?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim... até por que esses foram negócios que correram bestialmente bem, por isso é natural que se continue a apostar assim em manada numa única ideia! :DDDDDDDDDDDDD

      Eliminar
    2. Tenho quase a certeza que a maior parte, mas mesmo a maior parte, das pessoas que se decidem a "montar" negócios, percebem zero de gestão e não fazem contas nenhumas, não avaliam o investimento nem os custos que vão ter, nem conseguem fazer uma previsão de vendas sensata e razoável. Sério...Faz-me cá uma confusão...Digo-te, há algumas lojas, cafés e restaurantes, que no dia da inauguração eu já estou a contar-lhes os dias para fechar...

      Eliminar
    3. Mas não basta ter uma ideia gira? Xaxia a arruinar sonhos desde 2014...
      Je suis trés desolé

      Eliminar
    4. Incrível esta Xaxia... uma pessoa a pensar que bastava comprar umas cadeiras desirmanadas, fazer umas ementas em papelão, fritar umas batatas com casca e comprar umas latinhas para levar a conta, que a coisa estava feita e, vem a Xaxia com esta conversa de gestão, custos e previsão de vendas... que seca!

      Eliminar
    5. Cá na terrinha, para além desses negócios, há outro que floresce: manicures e esteticistas.

      Eliminar
    6. E colares, brincos e inutilidades horrorosas, não? Estás com imensa sorte! :D

      Eliminar
    7. Talvez estas pessoas frequentem workshops daqueles motivacionais, persegue os teus sonhos, e basta acreditar para se tornar realidade e tal. Só assim se justifica que alguém que queira vender fruta, se preocupe em comprar uns lindos cestos que levam umas vinte maçãs cada um, e uma ardósia para os preços. Ah, e uns aventais muiiiito giros para equiparem os empregados. Sim, porque a primeira coisa é a decoração, a segunda é o staff. A fruta? Quem quer saber desses pormenores...?
      (Mep, aqui em Lx também, a cada esquina um nails qualquer coisa. E SPA's (entenda-se qualquer gabinete de estética com umas velas acesas e uma música tibetana a tocar).

      Eliminar
  4. Hamburgueria, Pregaria, Bifanaria, Sandocharia... cogumelos, gente, crescem por todo o lado !!

    ResponderEliminar
  5. Então isto é um"teaser" para um post em parceria com alguma hamburgueria Palmier??? Dá para "pitch in"?? É que conheço uma muito boa,... mas fica lá metida na Pérola do Atlântico.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahahhahahhahahahhahahhahahaahahahahhahahhahahahahahaahahahhahahahahahhaha

      Havia de ser giro! Eu a aparecer em todo o lado, sempre com o meu hamburguer numa mão! :DDDDDDDDDDDDD

      Eliminar
  6. Esta cidadã tem a sua própria hamburgueria, localizada na sua própria cozinha com carne picada de peça escolhida pela própria e picada em frente da própria. E é a própria que lhes dá forma em casa. Tudo isto porque consorte adora hamburguers mas recusa-se a comê-los fora de casa. Felizmente contenta-se com pão comprado fora....

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E aceita encomendas?? :p

      Eliminar
    2. Acho mal Lulu... como é que a hamburgueria que abriu só para ti e a outra destinada exclusivamente ao teu marido vai sobreviver, hã?! Não sei se perceberam que estão a arruinar dois negócios! Dois!

      Eliminar
    3. Querem ver que a Lulu também vai abrir a sua própria hamburgueria?! :DDDDDDDDDDD

      Eliminar
    4. Ao anónimo: se tivesse tempo até aceitava porque cozinhar é o meu hobby.

      Palmy baby: eu como hamburguers fora, ele é que não. E tem tão poucas esqusitices que bem merece o mimo :)

      Uma feijoaria é que era bem pensado....

      Eliminar
    5. Olha... menos mal... assim só estão a levar um empresário à ruína... :DDDDDDDDDDDDDDDD

      Eliminar
  7. Precisamos de chamar mais turistas americanos. Golpe de marketing. Eles só visitam países com mais de 100 coisas dessas por m2, caso contrário não metem cá os pés. Foi o que aconteceu nos açores, na Base das Lages. Tinham as vacas só para decoração e hamburguers que é bom nickles. Vai daí, foram-se. E bastanmte zangados, devo dizer.
    Caríssimo Sr. do Passos lançou um plano de revitalização económica para colmatar esta situação e obrigou a que todo o dinheiro destinado ao empreendedorismo em Lisboa fosse para chamar de volta esta grande perda de americanos.
    E é isto Palmier.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Dammit Raisin you're absolutely right!

      (talvez que se falarmos em língua estrangeira a coisa ainda corra melhor! :DDDDDDDDDDDDD)

      Eliminar
  8. Invejosa! Querias palmierias, não?! :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso sim! Isso faria todo o sentido! :DDDDDDDDDDDDDDDDD

      Eliminar
  9. É educativo. Come-se uma Bifana e nunca mais se olha para outra. É quase como um casamento perfeito.

    Para chegar a gordo foi fácil: 2 meses a afundar pastilhas.
    Para ficar careca é mais complicado: tenho para uns anitos.

    ResponderEliminar