terça-feira, 5 de abril de 2016

Lamento muito a ausência

Mas esqueci-me do secador do cabelo no Algarve e não podia, de todo, vir para aqui toda desgrenhada! Já me basta a terrível fama que me persegue, não quero piorar ainda mais a minha situação!

16 comentários:

  1. Estava a ficar ralada, Palmier!
    (punhas qualquer coisa na cabeça, uma betoneira, um abat-jour, um tambor de uma máquina de lavar,uma panela, a tampa de uma cloche, uma campânula dos bolos, qualquer coisa. Um chapéu, assim na loucura, um lenço, como a Grace Kelly... agora deixar-nos assim abandonados, Palmier, isso não se faz)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem sei que já estava uma multidão chorosa aqui à porta do blog, mas era muito arriscado! Logo agora que tenho cabelos longos e ando a ver se componho a minha reputação... :DDDDDDDDDD

      Eliminar
    2. (Aqui q ela não nos ouve Mirone) ninguém dava por nada, com aquele cabelo q ela tem :D)

      Eliminar
  2. Pensei que tivesse ido apanhar papeis pró Panamá.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu sou fashionista! Panamá para mim é um chapéu!

      Eliminar
  3. Já accionei os fundos QREN para que lhe seja facultado um secador o quanto antes. É um desígnio estratégico nacional ter este blog a laborar em pleno!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Abençoado Ministro! Sempre a cuidar do penteado da cidadã!

      Eliminar
  4. Mas como assim, esqueceu-se do secador? Não viaja com cabeleireira? :)) Divirta-se!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, sim, claro! Eu disse secador mas errrrrrrrr... queria dizer cabeleireira! :D

      Eliminar
  5. Eu liguei à PAN, pois estava deveras preocupada, eles disseram que tinhas ido dentro pois tinhas um cavalo em casa. Fiquei mais aliviada, muito mais. Afinaaallll já te soltaram foi?? ai o caraças vou ter de falar com mais altas autoridades :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tive que vir alimentar o cavalo, que já está tão gordinho que já não passa pela porta. Está refém em minha casa!

      Eliminar
  6. (ficas a saber que tens a obrigação moral de me manter animada! sou uma blogódepressiva, sua insensível... :( como podes abalar assim tanto tempo?)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não sei... mas também ando um pouco blogo-deprimida... :(

      Não há guerras, nem temos de salvar ninguém, nem matar ninguém, nem nada... olha, não tenho nada para blogo-fazer...

      Eliminar
  7. Por momentos pensei que também tivesse ido para os Açores... :D

    ResponderEliminar
  8. Curioso, ainda há dias me sucedeu uma cena, com a minha farta cabeleira, que me lembrou o teu cabelo... :D

    ResponderEliminar