quinta-feira, 7 de maio de 2015

Palmier, a blogo-historiadora, explica o Tempus Bloggate Obscurum

A dada altura da blogo-história e sem que saibamos exactamente como e quando, o equilíbrio de forças alterou-se e, de um período de sol radioso e de intensa felicidade, entrámos, lentamente e sem nos apercebermos, na idade das trevas, um tempo em que a peste amarela (2014-2015) extinguiu os delicados flamingos de penas cor-de-rosa e pernas longas e elegantes, substituindo-os por pelicanos cinzentos, de bico gordo e patas atarracadas, um tempo em que bloggers errantes se atacavam mutuamente, esvaziando os anónimos-maus das suas funções e fazendo com que estes caíssem, assim, numa situação de desemprego de longa duração, uma época conturbada de conflitos e escaramuças sangrentas, e os bloggers, coarctados nas suas liberdades e isolados nas suas fortificações cobertas por florestas de urzes e espinhos venenosos, começaram a definhar em frente dos seus computadores, o vento frio e húmido encontrou maneira de entrar, uivando, pelas frinchas das suas fabulosas janelas de PVC, o nevoeiro marítimo e a humidade enferrujaram os seus ratos e o musgo e o verdete tomaram conta dos seus teclados, fazendo com que, a pouco e pouco, a boa literatura de entretenimento fosse escasseando, restringindo-se assim ao máximo a circulação de ideias. Práticas bárbaras prevaleceram. Ainda assim, e apesar dos conflitos e contendas, o Tempus Bloggate Obscurum foi visto como uma época de fé, alguns bloggers, homens, mulheres e até crianças, persistiram na sua demanda. Uns tentaram afastar as forças do obscurantismo publicando post desinspirado atrás de post desinspirado ansiando assim pelo fim de uma época trágica, outros organizaram-se em cruzadas, levando o estandarte do Blogger até aos locais mais remotos da terra, sendo que, os que desistiram acabaram devorados por hordas de anónimos-maus que deambulavam, perdidos, pela internet.

Depois os bloggers pararam para reflectir.



44 comentários:

  1. Pipocante Irrelevante Delirante7 de maio de 2015 às 10:21

    Palmier / Wolverine

    Lutadora incansável e feroz, enorme poder de auto-regeneração. Embora algumas bloggers não o achem, Palmier tem capacidades de liderança naturais, e demonstra-o na hora de levar as suas X-Bloggers para a batalha.

    ResponderEliminar
  2. E a reflexão é coisa para demorar quanto tempo? E é obrigatória, obrigatória, ou obrigatória como os testes do Cambridge? Como é que se distingue um blogger de uma pessoa que escreve num blog?
    Dúvidas, a minha vida são só dúvidas.

    ResponderEliminar
  3. Respostas
    1. isto é, nada mais, nada menos, que o filme favorito de todos os tempos do meu marido... (sofro muito de cada vez que sou obrigada a vê-lo novamente :DDDDDDDDDDDD)

      Eliminar
    2. Gosto do filme e da musica.

      Eliminar
    3. Sim, mas quantas vezes o viste? Sim, essa é a questão! :DDDDDDDDDDDDDDD

      Eliminar
  4. Inspiração Guerra dos Tronos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. (na verdade não vi a série, nem li os livros...)

      Eliminar
  5. ah ah ah ah ah ah ah ah ah
    Isto está assim ao estilo Harry Potter featuring Walking Dead. Os anónimos-maus são os zombies da blogosfera!!

    Palmier a marcar pontos, como sempre.

    ResponderEliminar
  6. Acho bem que parem para refletir.... Refletir faz sempre bem :)

    ResponderEliminar
  7. Não dá Palmier, não dá... Uma pessoa até tenta baixar as armas mas assim não dá... Ainda agora se iniciou mais uma batalha... E a culpa foi da Mirone... Let's the games begin... Hum? Que batalha? A de quem tem os filhos mais inteligentes ora... :DDDDDDD

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pronto... estão viciadas nisto. Nada a fazer! :DDDDDDDDDDDDDDD

      Eliminar
    2. Nê, essa batalha já era (ficas com o mais inteligente e eu fico com a mais bonita). Agora a batalha é outra, um duelo entre duas damas a disputarem um cavalheiro. :DDDDDDDDDDDDDDDDDDD

      Eliminar
    3. Como assim ficas com o mais bonita??? Isso é que era bom... Espera aí que eu já te conto uma historia. (Achas mesmo que estou viciada Palmy?? :DDDDDDDDDDDDDD)

      Eliminar
  8. Mas e a que conclusão chegaram? Isso é que seria uma partilha de valor. Foram orientados, nas suas conclusões? Chegaram lá sozinhos? Arrepiaram caminho? Só dúvidas é o que é. Não me deixes nesta agonia!!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não sei :( acho que temos de fazer um workshop de conclusões... :DDDDDDDDDDDDDDD

      Eliminar
    2. Ou um duelo, isso é que era :D

      Eliminar
  9. Estou como a Pipinha, agora ficou a doer-me este espaço entre as sobrancelhas...
    Canseira...

    :DD

    ResponderEliminar
  10. Doce Palmier,
    Depois de muita reflexão:
    Serei valente e certo para que os leitores me queiram
    Direi sempre a verdade nem que me custe a vida
    Protegerei o indefeso e não farei nenhum mal
    Este é o meu juramento de blogger cruzado
    E isto é para que não me esqueça.
    Todas estas coisas eu, o Outro Ente, cumprirei,
    ressalvando meu direito, e do reino dos Blogues,
    de tal modo, que tudo o que fica dito permaneça estável,
    e firmemente, e se guarde, e cumpra em tudo, e por tudo.
    Bons posts,
    Outro Ente.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ah... finalmente, o meu primeiro Gentil-Homem! :DDDDDDDDD

      Eliminar
  11. Vim aqui a baixo refletir, mas agora ainda estou mais inquieta.
    Agora que pensava tornar-me anónima, fico a saber que esse nicho de mercado está pelas ruas da amargura e que o mercado de trabalho está uma lástima, inclusive com emprego de longa duração.
    Nananananananana. Deixo-me andar assim mesmo, carinha ao léu, que eu tenho horror a pobres!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. :DDDDDDDDDDDD tu deixa-te andar assim, que se não resistes, és logo devorada por anónimos desempregados! Cautela!

      Eliminar
  12. Bem sei que a Palmidr, embora falando de um assunto sério, consegue sempre introduzir um humor subtil :).

    Como este assunto me irrita um pouco, não consigo manter essa leveza. Há bloggers que, ao escolher um caminho, digamos, de Blogo ordens religiosas, acabaram por se afastar da pureza dos seus ideais e terão disparado a torto e a direito. Os blogs visados ou se afastaram ou revidaram.

    Os anónimos-maus, esses trolls das florestas sombrias? Umas fadinhas, se comparados com o que certos blogoguerreiros chamaram e permitiram que se chamasse a outros.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pode ser que estejamos quase a entrar no Renascimento :)

      Eliminar
  13. Então, então ? E quando é que acabam os reflexos ?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso nunca, que já sabe que eu gosto muito de brilhar e de espalhar reflexos! :DDDDDDDDDDDD

      Eliminar
    2. Pipocante Irrelevante Delirante7 de maio de 2015 às 21:32

      Os reflexos acabam quando se é mordida por um vampiro.

      Eliminar
    3. Não me posso esquecer de falar isso do vampiro com o meu cabeleireiro !!

      Eliminar
  14. Respostas
    1. Uau! Arrumadinha! Que incrível variação! :DDDDDDDDDD

      Eliminar
  15. quando é que temos um periscópio ou lá o que é?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso é que era! Eu no oceano, a nadar, com o meu periscópio... :DDDDDDDDDDDDDDD

      Eliminar
  16. Quando é que acaba o período de reflexão obrigatório? Estou cheia de dores de cabeça de tanto pensar sobre esse assunto.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olha... um problema. Nem eu própria sei! :D

      Eliminar
    2. Estás a ver, Palmier? Não só eu a interrogar-me sobre a duração do período de reflexão e a sua obrigatoriedade.

      Eliminar
    3. Ahahahhahahahaahhahahahahahahahahhahhahahhahahahhahhahahahahah
      Estiveste aí o dia inteiro à coca, à espera que alguém perguntasse a mesma coisa? :DDDDDDDDDDDDDDDDDDDD

      Eliminar
    4. A MD Roque também perguntou.

      Eliminar
  17. Pipocante Irrelevante Delirante7 de maio de 2015 às 21:33

    Tente la´, a ver se acertei...

    http://www.zimbio.com/quiz/NIx9UsL1MMb/Which+X+Men+Character+Are+You

    ResponderEliminar